domingo, 1 de janeiro de 2012

E chegou 2012!!




Eu não via a hora que acabasse 2011. Não aguentava mais 2011. Foi um ano muito bom, muito produtivo, mas no final, eu trabalhei demais, me estressei demais e não via a hora em que tudo aquilo acabasse.

Geralmente, fico super emotiva com fogos de artifício. É o sinal de que acabou. Não há mais nada que você possa fazer pelo ano que passou. Agora, começa tudo de novo. Por mais que eu sentisse esperança pelo ano novo, sempre senti uma pontada de tristeza por tudo aquilo que não aconteceu ou não deu certo no ano que acabava.

Esse ano, com os fogos de artifício, na praia, ao lado do meu amor e da minha família, a única coisa que senti foi alívio. Ufa. Eu consegui. Sobrevivi. Nunca trabalhei tanto em um segundo semestre. Nunca foi tão corrido, e eu achei que não fosse dar conta, mas dei. E acabou. Game over.

No segundo semestre de 2011, eu senti que o tempo lutava contra mim. E hoje, no primeiro dia do ano novo, eu sinto que ganhei.

Daqui a 41 dias é meu casamento. Eu ainda não fechei os doces, o bolo, nem a decoração. Mas tenho o fotógrafo, o vestido, o dia da noiva, o restaurante, os convites e a lua de mel. No fim, é mais ou menos isso que importa mesmo. O resto, tendo dinheiro tudo se ajeita. Eu não tenho muito dinheiro, mas tenho o bastante.

Não vou convidar quase ninguém pessoalmente. A maioria, vou convidar de convite geral. Um convite geral para a escola. Um convite geral para a igreja. Não faço questão que venham no meu casamento. Faço questão que abençoem meu casamento. E para abençoar um casamento, só amigos próximos e queridos - e esses, tenho certeza que vão.

No fim, estou muito mais interessada em reformar meu sofá do que dar bolo pra todo mundo. E a minha casa é linda... e vai ficar mais linda ainda.

Meus planos pra 2012?

Além do casamento, eu quero montar nossa casinha, viajar muito, receber amigos em casa, trabalhar bem, juntar dinheiro e ter um ano tranquilo. Bem diferente de 2011. Bem sossegado. Sem tanta hora extra. Sem tanto stress. Sem tanta obrigação de TER QUE juntar dinheiro.

Quero cuidar do meu amor. Cuidar da nossa casa. Do nosso cachorro. Das nossas plantas. E ser feliz. Com ele.

Nenhum comentário: